Acesse Rápido

Publicado em 26/11/2013 por Solange Argenta

Curso de educação popular em saúde foi aberto na Fiocruz PE


Abertura do curso educacao popular2

 Um momento de integração, com espaço para canto e poesia popular. Esse foi o clima da abertura do Curso de Educação Popular em Saúde (EdPopSUS), que lotou o auditório da Fiocruz Pernambuco nesta segunda-feira (25/11). O encontro reuniu representantes dos movimentos populares e gestores da saúde com os agentes comunitários (ACS) e de vigilância em saúde (AVS) do estado que serão alunos dessa capacitação. O encontro também marcou o início das atividades pedagógicas, que terão momentos presenciais e à distância. 

O EdPopSUS tem como objetivo formar os agentes  de saúde em relação às práticas educativas, de mobilização social, promoção da saúde e promoção da equidade, tendo como referencial político-pedagógico a Educação Popular em Saúde. A promoção do curso é da Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa (SGEP) do Ministério da Saúde, ficando a Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca (Ensp/Fiocruz) responsável pela coordenação nacional do mesmo e a Fiocruz Pernambuco pela coordenação no estado.  A capacitação, com 54 horas/aula, será realizada, simultaneamente, nos estados do Amazonas, Bahia, Ceará, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo, Sergipe e no Distrito Federal. A meta do Ministério da Saúde é capacitar 24 mil agentes em todo o país e 3.240 em Pernambuco distribuído em três módulos. Em seguida será oferecida uma etapa de aperfeiçoamento.

A pesquisadora da Fiocruz PE e apoiadora nacional do curso, Paulette Albuquerque, destacou a importância do curso, nascido dos movimentos sociais e que faz parte da implantação da Política Nacional de Educação Popular em Saúde, publicada no Diário Oficial da União na semana passada (portaria nº 2.761 de 19 de novembro de 2013).

Mesa de abertura curso educacao popularO diretor da Fiocruz Pernambuco, Sinval Brandão Filho, deu as boas vindas ao encontro, que contou com as presenças da secretária executiva de Gestão do Trabalho e Educação em Saúde de Pernambuco, Cinthia Alves, dos secretários de saúde do Recife, Jailson Correia e de Olinda, Tereza Miranda e do representante da Articulação Nacional de Educação Popular em Saúde (ANEPS), Cledson Reis, entre outras lideranças. Para Tereza Miranda "o grande diferencial desse trabalho é aprender a realizar uma troca respeitosa com os saberes da educação popular", assegurou.

Mais informações no site do curso: http://www6.ensp.fiocruz.br/edpopsus/ ou pelo e-mail:  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

 

 

 

 

Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) - Pernambuco
Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães (CPqAM)
Av. Professor Moraes Rego, s/n - Campus da UFPE - Cidade Universitária | Recife/PE - Brasil | CEP: 50.740-465 - Telefones: 81 2101.2500 | 2101.2600 | E-mail: imprensa@cpqam.fiocruz.br